COMO PREVENIR O "PÉ DIABÉTICO"?

A maior parte da população diabética possui a diabetes mellitus tipo 2 (90%). A diabetes pode levar a diversas complicações, destacando-se lesões ulcerativas em membros inferiores (MMII), como por exemplo, o conhecido pé diabético. Esse fenômeno é decorrente da neuropatia e gera perda de sensibilidade periférica tátil, térmica e dolorosa, ou seja, a pessoa não sente toques, calor/frio ou dores. Podendo levar a lesões complexas que, caso não sejam tratadas, podem levar à amputação do membro. O pé diabético pode ser consequência de infecção, ulceração ou destruição dos tecidos profundos.


Dentre os principais cuidados a serem tomados estão:

· restrição absoluta do fumo;

· exame diário dos pés, inclusive entre os dedos;

· lavagem dos pés com água morna, tendendo para fria;

· secagem cuidadosa dos pés, principalmente entre os dedos, de preferência com tecido de algodão macio;

· uso proibido de álcool, ou outras substâncias que ressequem a pele;

· uso de creme hidratante na perna e nos pés, porém, nunca entre os dedos;

· proibição da retirada de cutícula;

· corte de unhas em linha reta, sem deixar pontas e, se necessário, lixar as unhas;

· uso de meias de algodão sem costura, sem elásticos e preferencialmente claras;

· não andar descalço;

· uso proibido de calçados apertados, de bico fino, sandálias abertas de borracha ou plástico e contida entre os dedos;

· verificação da parte interna do calçado, antes de vesti-lo, a procura de objeto ou saliência que possa machucar;

· elevação dos pés e movimento dos dedos para melhora da circulação sanguínea;

· evitar o uso de bolsa de água quente;

· evitar exposição ao frio excessivo;

· e cuidados com animais domésticos e insetos.





Siga sempre as recomendações médicas.




Fonte: https://www.scielo.br/j/fm/a/53WdYvfKFMtgKRMPByXGH3q/?format=pdf&lang=pt

63 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo